quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Olhem! Lá no céu!

E então, mais uma vez Brazuka foi visto pelos céus do Brasil, dirigindo-se a uma inesperada e gigantesca estação coletora solar, erguendo-se sobre a miséria do Nordeste, e deixando os poderes que valem de cabelos em pé.

Muito bom, hoje. É uma história que mestrei alguns anos atrás, para o extinto Team Tomorrow América do Sul, e que gosto de revê-la, às vezes.

Um comentário:

Daniel "Gárgula" Braga disse...

Hastur, foi muito bom poder ser herói sem precisar trocar socos!

Achei interessantíssimo!!!!